Skip to content

Sentimentos profissionais

08/12/2010

Entrei e saí da faculdade sem entender o direito como parte do sistema de produção. Acho que é nesse ponto que está meu fracasso: para mim, aceitá-lo apenas como peça do mecanismo de aumento de capital é pouco para a ciência que regula a dominação. Nunca permiti me submeter a isso. Não adianta, infelizmente, compartilhamos uma formação repudiada pela rotina de mercado. Ganhar clientes é mais importante do que convencer o juiz. Escritórios com dezenas de baias enfileiradas (é assim mesmo que chamam, como as casinhas onde os bois comem ração esperando para serem abatidos) com advogados produzindo peças jurídicas como se fossem máquinas de xérox fazendo cópias. Parece ser um sinal de fraqueza não querer tomar vantagem pisando no colega que erra, ou favorecer-se com seus deslizes.

Sentimentos profissionais de relacionamento. Amigos se tornam uma página do facebook, separados por categorias úteis, divertidos, necessários… amizade se tornou network, com compromissos e expectativas financeiras. Festas, churrascos…até o sexo com a colega advogada gostosa da baia ao lado conta para sua promoção. Parte de seu marketing pessoal dentro da instituição, a foda é vista como um sucesso de procedência na demanda, fruto de sua capacidade de argumentação e convencimento. No esforço para não parecer hipócrita, só consigo, no máximo, ser cínico.

Fica a imagem pública de homem preguiçoso, avesso ao fardo do trabalho sagrado que Deus nos deu para nos redimir. E se o trabalho é fundamental para o mercado, negar o mercado é negar a Deus. Quem passou pelos anos 90 com um mínimo de atenção ao que acontecia ao redor, cresceu com a imagem de que são inúteis ao mundo aqueles que não produzem riquezas monetárias. O fortalecimento dessa imagem era corroborado pelo Brasil falido de então, curiosamente falido pelo mesmo grupo político que decretou sua bancarrota e formulou seu plano de recuperação.

Tudo isso para dizer que odeio o trânsito da cidade.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s